Feeds da Rede PAD Brasil

No Tocantins, estudantes de colégio agrícola protestam contra novo diretor

Por interferência do atual prefeito, o antigo diretor foi demitido e a pedagogia baseada na Educação do Campo está sendo abandonada pelo novo educador

leia mais

Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Nota de esclarecimento sobre o Colégio Estadual Família Agrícola José Porfírio de Souza

Nota de esclarecimento - MAB Tocantins Educação do Campo

Nota de esclarecimento

Movimento dos Atingidos por Barragens

O Movimento dos Atingidos por Barragens vem a publico esclarecer a população de São Salvador do Tocantins e região e aos/as Educandos/as do Colégio Estadual Família Agrícola José Porfírio de Souza que nunca mediu esforços para construir as parcerias, a proposta pedagógica com o objetivo de implementar o Colégio Estadual Família Agrícola José Porfírio de Souza e assim garantir uma educação de qualidade aos/as filhos/as dos agricultores familiares.

leia mais

Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Entidades lançam nota criticando a Reforma da Previdência

MST - qua, 19/04/2017 - 13:54
No documento a entidade afirma que: "nenhuma reforma que afete direitos básicos da população pode ser formulada, sem a devida discussão com o conjunto da sociedade e suas organizações"
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

PR: Política pública para assentamentos está parada há um ano, diz dirigente do MST

MST - qua, 19/04/2017 - 13:34
Camponeses acamparam durante dois dias em frente à sede do Incra PR, em Curitiba
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Como uma Muralha

MST - qua, 19/04/2017 - 13:09
Na quinta noite do acampamento, nossos inimigos passaram em frente a Casa da Memória e atiraram pra cima. Algozes do latifúndio usando a linguagem armada que tão bem conhece a Curva do S
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Débora Nunes fala sobre a ocupação do Incra nacional e a pauta apresentada ao governo

MST - qua, 19/04/2017 - 13:08
A pressão durante a Jornada Nacional de Lutas pela Reforma Agrária é para o assentamento das famílias hoje acampadas e por uma política de desenvolvimento para os assentamentos.
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

MST mantém 15 Incra ocupados e retoma área abandonada por Eike Batista

MST - qua, 19/04/2017 - 12:44
Agendas em Brasília com o presidente do Incra, Leonardo Goes, tem a intenção de destravar as aquisições de terras e criação de assentamentos.
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

No Maranhão, Sem Terra seguem ocupando o Incra em luta pela Reforma Agrária

MST - qua, 19/04/2017 - 12:38
Trabalhadores rurais aguardam para esta quarta-feira audiência com representantes do órgão
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Na Jornada de Luta, pequenos agricultores e Sem Terra retomam as terras do Açu

MST - qua, 19/04/2017 - 07:40
As terras foram tomadas pela empresa LLX do empresário Eike Batista e visava a implantação de um distrito industrial.
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Os caminhos que levam à democracia que queremos

Inesc - ter, 18/04/2017 - 17:55

O golpe institucional que retirou Dilma Rousseff da Presidência da República, substituindo-a por Michel Temer, completou um ano nesta segunda-feira (17/4). De lá para cá, parece que uma nuvem de gafanhotos tomou conta do poder, destruindo parte da estrutura do Estado de Bem-Estar social prevista pela Constituição de 1988. E se nada for feito para estancar essa sangria, mais direitos serão retirados. Quais são os caminhos possíveis para impedir novos ataques à democracia e aos direitos dos brasileiros? Como a sociedade civil organizado pode agir para equilibrar as ações? E afinal: qual democracia o Brasil quer? Essas e outras questões fundamentais guiaram os participantes do debate realizado ontem (segunda-feira, 17/4) no Museu da República no evento A Democracia Que Queremos, da Plataforma dos Movimentos Sociais pela Reforma do Sistema Político, com apoio do Inesc e outras instituições.

O mote do encontro foi discutir a democracia brasileira em seu atual estágio, a partir do olhar das mulheres, negros e povos indígenas. Para Lucia Xavier, representante da ONG Criola e Articulação de Organizações de Mulheres Negras do Brasil (AMNB), e uma das palestrantes, é preciso haver um novo pacto, radical e amplo, em que toda a riqueza do país seja usada para reduzir as distorções entre a população. "Queremos compartilhar, mostrar nossa capacidade de construir os pilares da sociedade." E para isso, afirma Lucia, a participação das mulheres negras no processo é imprescindível. "Sem elas, continuaremos vivendo numa democracia branca. E vocês não sabem o tanto que ela é ruim."

Mais de 100 pessoas participaram do debate realizado ontem no Museu da República, que teve transmissão ao vivo online pela Mídia Ninja - veja o vídeo completo aqui.

Nas falas dos palestrantes - Lucia Xavier (Criola e AMNB), Sonia Guajajara (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib), Paulo Rubem Santiago (professor da UFPE) e Romi Bencke (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs - Conic) -, e também dos demais que pediram a palavra, a certeza de que povos, matizes e gêneros da população brasileira querem mais voz e participação dos processos de decisão política no país.

Lucia Xavier (ONG Criola)

"O movimento negro tem a agenda política mais antiga do País. Desde o nosso primeiro ancestral brasileiro lutamos por liberdade, por respeito e por oportunidades. O debate sobre a questão racial é um termômetro, pois fala sobre representação, classe social e educação. Queremos compartilhar, mostrar nossa capacidade de construir os pilares da sociedade. Enquanto mulheres negras não forem parte do processo, viveremos em uma Democracia Branca. E vocês não sabem o tanto que ela é ruim."

Paulo Rubem Santiago (professor UFPE)

"Os governos democráticos e populares eleitos a partir de 2002 não foram capazes de abalar as oligarquias brasileiras presentes no Congresso Nacional. A disputa entre Economia e Democracia foi gradativamente desequilibrada, favorecendo as elites financeiras que hoje retiram direitos da população. Estamos em um momento em que as questões voltam ao solo fértil do debate para que possamos traduzir para o povo as consequências dessas reformas empreendidas pelo governo Temer."

Sonia Guajajara (Apib)

"A 'Constituição Cidadã' veio com o objetivo de remover todo o entulho autoritário legado pela Ditadura Militar e os povos indígenas acreditaram nos dispositivos voltados para as suas demandas. Precisamos unificar a luta, afinal somos todos indígenas. Hoje o ódio é incitado por figuras públicas, parlamentares, que não se envergonham de manifestarem todo o seu preconceito."

Romi Bencke (Conic)

"Há um ano uma presidenta legitimamente eleita foi deposta em nome de Deus. No Brasil, nota-se uma instrumentalização da Política pela Religião e vice-versa. O fundamentalismo e o conservadorismo não andam isolados. A Religião não pode ser absoluta, somente em consonância com os Direitos Humanos. Existe mais espaço para o ódio do que para a compaixão, basta perceber a permanência da intolerância religiosa em nossa sociedade, em especial àquelas de matriz africana, que perpassa pelo racismo."

Leia mais aqui, na reportagem da Mídia Ninja.

Na terça e quarta-feira (18 e 19/4), os integrantes da Plataforma promoveram reflexões sobre os cinco eixos da proposta de Reforma do Sistema Político:

- Democracia Direta

- Democracia Representativa

- Democracia Participativa

- Democratização dos Meios de Comunicação

- Democratização do Sistema de Justiça

Veja outros depoimentos nesta playlist Qual a Democracia Que Queremos? Tem Vitor Guimarães (MTST), Lucia Xavier (ONG Criola), Cinthia Abreu (Marcha Mundial de Mulheres), a deputada Luiza Erundina (PSOL-SP) e muito mais.

"Precisamos formular questões que possam não apenas questionar/tensionar a institucionalidade que temos mas que sejam capazes de criar novas institucionalidades democráticas", afirma José Antonio Moroni, do Colegiado de Gestão do Instituto de Estudos Socioeconômicos (Inesc).

Para Moroni, um dos principais obstáculos à criação de novas institucionalidades é o monopólio do Congresso para fazer a reforma política. Não há  praticamente mecanismo algum de soberania popular para se fazer transformações quando o Congresso não quer e o povo quer - com exceção da iniciativa popular, que é um instrumento limitado e que não pode propor mudanças constitucionais.

"Em outras palavras, temos um sistema político que não é alicerçado no poder popular, e sim no poder econômico. E, em termos de poder político, a base está nas oligarquias, tanto as velhas como as novas. Além disso, temos um Congresso dominado por bancadas com interesses particulares e de seus grupos de interesse, inviabilizando que se tenha uma discussão aprofundada sobre o tema. Os congressistas pensam em seus próprios interesses e de seus grupos, e não em qual o melhor sistema político  para atender aos interesses do povo."

Vamos falar sobre Reforma do Sistema Político?

Se interessou pelo tema? Inscreva-se para receber nosso boletim por email!

Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Em audiência, MST cobra comprometimento do governo do RS com a Reforma Agrária

MST - ter, 18/04/2017 - 17:45
Chefe da Casa Civil, Biolchi se comprometeu a dar encaminhamentos para solucionar os problemas junto a órgãos estaduais e a acompanhar todo o processo para acelerar o destravamento da pauta.
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

12 golpes na energia

12 golpes na energia

Após um ano do impeachment de Dilma Rousseff, listamos doze motivos na área da energia que justificam: sim, foi golpe!

leia mais

Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

MST faz manifestação no fórum de Ribeirão Preto

MST - ter, 18/04/2017 - 15:15
Trabalhadores Sem Terra pedem adjudicação da Fazenda Martinópolis. Atividade integra a Jornada Nacional de Lutas pela Reforma Agrária.
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Para pressionar o governo federal, MST ocupa sede do Incra em Brasília

MST - ter, 18/04/2017 - 14:55
Movimento condiciona a desocupação do órgão público à agenda com representantes do governo central para apresentar pauta de reivindicação.
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Povos do campo e das florestas realizam a 5º Jornada de Agroecologia no extremo sul da Bahia

MST - ter, 18/04/2017 - 14:54
Com o tema “Terra e território: natureza, educação e Bem Viver”, a Jornada sediará ainda a realização dos Jogos Indígenas e a Feira de Economia dos Povos.
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

MPF e sociedade civil reagem aos cortes no Censo Agropecuário 2017

MST - ter, 18/04/2017 - 14:35
AGB, ANA, Consea e centros de pesquisa querem respostas do IBGE, que cortou pessoal e retirou questões sobre camponeses e agrotóxicos
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Em Sergipe, trabalhadores Sem Terra realizam ato em frente ao Incra

MST - ter, 18/04/2017 - 13:56
Os Sem Terra protocolaram uma pauta de reivindicações na Superintendência do órgão.
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

Na Bahia, comunicadores apontam os desafios para construção da democratização da comunicação

MST - ter, 18/04/2017 - 13:39
Com o objetivo de fortalecer o debate em torno da comunicação popular, os participantes, de oito regiões, aprenderam técnicas no campo da produção textual, fotográfica, artes gráficas e da linguagem radiofônica.
Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil

125º Concílio da Diocese Meridional

IEAB - ter, 18/04/2017 - 13:18

Programação para download disponível abaixo:

Programacao do 125 Concílio DM.

Categorias: , Feeds da Rede PAD Brasil